Draugen não possui puzzles. Não conta com combates. Não oferece grande interatividade entre o jogador e seus belíssimos cenários. Ele, na verdade, insere o jogador em um pequeno mapa. Pequeno mesmo, de verdade, mas isto não tira seu brilho.

O jogo, que chega amanhã, 29 de Maio de 2019, ao Steam e ao GOG, é ambientado em um fiorde na Noruega, em um pequenino vilarejo chamado Graavik.

Trata-se de uma espécie de “walking simulator” com enorme foco na narrativa, aliás. Simples em questão de mecânicas, porém profundo e complexo no que diz respeito ao enredo.

Draugen

Uma História cheia de mistério

Draugen conta a história de um viajante norte-americano chamado Edward Charles Harden, o qual vai até a Noruega em 1923 em busca de sua irmã desaparecida, Elizabeth. Edward acabou se deparando com algumas pistas que o levaram ao pitoresco local, e tem como companheira de viagem a falante e misteriosa Alice, ou Lissie.

Ao chegar a Graavik, entretanto, um grande mistério surge: o local está deserto, e nem o casal que iria oferecer hospedagem a Edward pôde ser encontrado. Há, no vilarejo, apenas o som do oceano e do vento, além do barulho das folhas que caem ao chão, dos pássaros, dos riachos que cortam o local, e de nossos próprios passos.

Draugen

O título da desenvolvedora norueguesa Red Thread Games (responsável também por Dreamfall Chapters) insere o jogador em meio a cenários belíssimos, verdadeiramente estonteantes, e apesar de sua curta duração (algo entre 4-5 horas), conta uma história repleta de mistério e interessantíssima, a qual lida levemente com o sobrenatural e também com doenças mentais.

Grandes dramas e suspense

Há também elementos que envolvem o estado psicológico do personagem principal, e isto tudo acaba ajudando a compor um cenário extremamente delicado e instigante.

Um grande drama aconteceu ali, no meio do fiorde no qual pouquíssimas pessoas viviam. Um acidente em uma mina no local acabou levando à morte de 3 pessoas, e este fato acabou meio que resultando na desgraça total do local.

Draugen

Mortes aconteceram depois disso (incluindo a suspeita de assassinatos), e Edward e Alice acabam se envolvendo com este mistério todo ao mesmo tempo em que o protagonista se mantém também bastante obcecado com sua busca por sua irmã.

A interação entre os dois personagens é extremamente interessante, aliás. Alice é bastante extrovertida, e muitas vezes chega a irritar Edward com suas brincadeiras e falatório, representando também o extremo oposto do protagonista, alguém mais centrado, introspectivo e de certa forma, solitário.

Draugen

Sobrenatural?

Pouco a pouco, diversos acontecimentos misteriosos acabam levando o jogador a suspeitar de que algo de sobrenatural paira no ar, principalmente após Edward e Lissie se depararem com velhas anotações e registros que mencionam uma determinada maldição.

Nada é dito de forma peremptória, entretanto, e muito daquilo que é visto pelo jogador em Draugen é apenas levemente sugerido. O novo título da Red Thread Games adiciona camada sobre camada de mistério e suspense à medida em que o jogador avança, sem no entanto forçar nenhum tipo de interpretação de forma antecipada, sem exigir que tomemos decisões rápidas ou drásticas.

Aliás, existe até mesmo um sistema de diálogo entre Alice e Edward, mas este é bastante superficial e serve mais para que o jogador a encontre (quando distante dela) ou então para iniciar conversações, conversações estas que sempre podem levar a questionamentos interessantes no que diz respeito à trama.

Draugen

Vários elementos do jogo supõem a presença de algo sobrenatural em Graavik, e o jogo passa uma enorme sensação de solidão ao jogador. A grande casa da família Fretland, que aguardava Edward, está totalmente vazia.

Draugen

Casas nos arredores encontram-se também vazias, bem como o único estabelecimento comercial do local. Tudo acaba fazendo com que sintamos um grande desassossego, o que acaba contribuindo ainda mais para aumentar o clima de mistério do jogo.

Edward logo se depara também com a história de uma menina que morreu em circunstâncias não lá muito bem esclarecidas. Há a suspeita de assassinato, e brigas entre famílias locais também são levadas em consideração no momento de considerar possíveis culpados. Brigas estas, aliás, relacionadas ao acidente na mina que mencionei acima.

Draugen

É um fato, entretanto, que a ausência de pessoas no local torna tudo bastante misterioso, e não pense você que faltam momentos capazes de dar um frio na espinha no jogador (embora raros). Edward, por sua vez, se mostra bastante egoísta, em várias situações, e sua busca por sua irmã Betty acaba causando enorme revolta em Alice, em dado momento, e ela chega a esboçar reações que chegam a denotar um certo grau de ciúme.

Não dá para esconder também o fato de que existe algo no passado do protagonista que causa grande impacto sobre a trama como um todo, e isto vai crescendo ao longo do jogo até um grand finale surpreendente.

Uma narrativa e tanto

No entanto, é importante ressaltar que Draugen deixa o jogador o tempo todo em dúvida a respeito do que realmente está ocorrendo. Nada é forçado, nada nos é empurrado goela abaixo, nada é dito muito claramente, e o game acaba delegando muitos elementos para a nossa própria interpretação, com base em tudo o que lemos e observamos.

Draugen

Grande mistério paira sobre Graavik, disto ninguém tem dúvida, e é interessante ressaltar que o pequeno vilarejo sempre foi bastante isolado do resto do mundo. Por outro lado, o jogador constantemente se vê ressabiado pelo comportamento de Alice, personagem que ao longo da narrativa se desenvolve de maneira soberba (não faltam momentos misteriosos a ela ligados).

A história de Draugen é tocante, misteriosa e interessante, além de contar com algumas reviravoltas muito bacanas. O próprio personagem principal guarda lá suas surpresas para o jogador, e em meio a tudo isto temos lindíssimos gráficos e uma trilha sonora orquestral surpreendente, composta por Simon Poole, a qual acompanha muito bem todos os “altos” e “baixos” da narrativa.

Draugen

Finalizando

Se você está em busca de uma aventura repleta de mistério, suspense e reviravoltas instigantes, além de leves toques de elementos sobrenaturais e psicológicos, dê uma chance a Draugen. O jogo é curto, como eu já disse acima, e pode te surpreender bastante.

Draugen

Lissie

O game, infelizmente, não conta com legendas ou áudio em português, o que pode acabar prejudicando a experiência para quem não conhece o idioma. Fica aqui, portanto, o aviso.

Ficha técnica

Título: Draugen

Gênero: aventura, mistério, walking simulator

Desenvolvedora: Red Thread Games

Publisher: Red Thread Games

Data de lançamento: 29 de Maio de 2019

Plataformas: PC

Versão analisada: PC

Fique agora com um trailer do título:

Pin It on Pinterest